Possibilitando seu futuro digital – 20 anos e contando

Peter Van Camp

“CEO da Equinix lembra como uma visão inovadora de interconexão global se tornou realidade”

Ouvi pela primeira vez sobre Equinix dos dois homens que estavam tentando fazer a empresa decolar.

Era final de 1999, e eu estava trabalhando para a UUNET, um dos principais provedores de backbone de Internet, quando os fundadores da Equinix Jay Adelson e Al Avery pararam para falar sobre o futuro de sua empresa – e o meu.

Todos nós sabíamos que um crescimento significativo da internet estava chegando. Jay e Al disseram que, para lidar com esse crescimento, a UUNET precisava dimensionar e gerenciar de maneira mais eficaz suas redes. Eles acreditavam que empresas como a nossa poderiam se beneficiar dos data centers da Equinix que ainda não haviam sido construídos, onde as redes poderiam se reunir em uma zona neutra para trocar tráfego. Esse modelo, eles disseram, era como poderíamos dimensionar nossa infraestrutura.

Fiquei impressionado com o conceito e a energia por trás da visão de Jay e Al. Eles falaram sobre isso como se a Equinix um dia fosse a responsável pela infraestrutura da Internet. Foi uma visão ousada, e, no fim das contas, exata.

Hoje, a Equinix comemora seu 20º aniversário. Muito da empresa a qual fui apresentado anos atrás mudou à medida que expandimos de cerca de dois para 200 data centers. Mas a visão fundadora suportou e ainda nos impulsiona após todos esses anos. As empresas precisavam de interconexão e precisavam muito. Isso ainda é verdade hoje, talvez mais do que nunca.

Um modelo para o passado e para o futuro

Depois daquele primeiro encontro com Jay e Al, eu discuti o modelo deles com o head de engenharia da UUNET (que agora faz parte da Verizon). Ele estava certo dos benefícios. Ele me disse que economizaria milhões de dólares para a UUNET ao transformar a forma como trocávamos tráfego com outras redes. Ele também disse que isso nos daria a capacidade de escalar tão rapidamente quanto a Internet, já que os outros provedores de serviços com os quais precisaríamos nos conectar ficariam bem ao nosso lado, no mesmo data center.

Obviamente, ainda não tínhamos integrado todas essas redes quando me associei à Equinix como CEO, em maio de 2000, para ajudar a tornar a empresa pública. Isso criou um elemento de risco para todos, mas foi emocionante. Trabalhamos incansavelmente – e com sucesso – para vender nossa visão como o lugar de interconexão para operadoras, e depois buscamos os grandes provedores de serviços de internet e empresas de conteúdo, que sabíamos que se beneficiariam de estar ao lado desses acessos à Internet. Google, Yahoo, Amazon… todos eles acabaram se tornando clientes da Equinix.

Embora soubéssemos que tínhamos algo especial desde o começo, fiquei surpreso com a abrangência da visão fundadora. Por exemplo, a mesma abordagem que adotamos com as operadoras foi bem-sucedida com o e-commerce. Os brokers, os gestores de ativos, as próprias Exchanges onde os trades acontecem, todos se beneficiaram muito da velocidade e da segurança que encontraram depois de se conectarem uns aos outros na Equinix. Nosso ecossistema de serviços financeiros tornou-se um destino essencial para a indústria e um lugar onde trilhões de dólares são trocados diariamente.

E agora, claro, há a cloud. A capacidade da cloud de atender às necessidades de computação de tantos mercados tornou-se fundamental para a realização de negócios e, à medida que as pessoas exploram suas possibilidades, o valor de reunir empresas interdependentes em um único lugar passou a ser ainda mais essencial. Provedores de serviços em cloud atendem seus clientes por meio de operadoras, que se encontram na Equinix. E as empresas acompanham esse movimento, para que elas possam se conectar aos serviços em cloud e às mesmas operadoras, a fim de alcançar funcionários, clientes e novos mercados. A necessidade desse tipo de interconexão só cresce.

Mesmo com todas as possibilidades iniciais da internet, eu não imaginava que todas as empresas um dia se tornariam digitais. Nosso foco inicial era em empresas que forneciam serviços pela internet, mas recentemente conquistamos a Kellogg Company como um novo cliente. Quando comecei com a Equinix, não imaginava que uma empresa de cereais se tornaria cliente, mas isso mostra até que ponto o digital chegou e o potencial que ainda está por vir.

Confiança em um momento de transformação

Às vezes, quando falo com nossa equipe, enfatizo que o que realmente vendemos é a confiança. Claramente, nossos clientes encontram valor nos ecossistemas que hospedamos e no alcance que fornecemos. Mas no final do dia, somos uma infraestrutura crítica em suas arquiteturas e eles precisam confiar em nós. Isso é mais do que fornecer confiabilidade e segurança em nossas instalações, mas também fazer o que for possível para ajudá-los a desenvolver suas oportunidades digitais durante esse período de disrupção. É ouvir quando eles falam e responder às suas necessidades. É sobre colocar o cliente no centro de tudo o que fazemos.

Usamos o termo “inovação inspirada no cliente” para descrever nossa abordagem de desenvolvimento de novos produtos e serviços. O Equinix Cloud Exchange Fabric, uma plataforma global na qual os clientes podem se conectar de forma dinâmica e instantânea entre si, existe porque nossos clientes nos disseram que queriam se conectar em diferentes países, regiões ou continentes. O SmartKey adiciona uma camada de segurança de dados na cloud, porque os clientes nos disseram que precisavam disso. Continuaremos a fornecer serviços imaginados por nossos clientes e recompensar a confiança que eles depositam em nós.

A Equinix está sempre evoluindo, e admito que às vezes sinto falta dos dias em que podia atravessar o corredor e ter uma discussão significativa sobre estratégia com todos os nossos líderes. Mas a visão que Jay e Al descreveram para mim em 1999 sempre foi grande demais para uma empresa daquele tamanho. Quando olho para o futuro, vejo a Equinix continuar a ser um lugar que pode levar qualquer um dos nossos clientes para qualquer lugar no mundo digital. A transformação digital não eliminará o modelo de plataforma, mas sim continuará sendo possibilitada por ele. Nossa plataforma digital tem ajudado empresas líderes a alcançar seus futuros digitais durante os últimos 20 anos e contando. Estou ansioso para descobrir o que vem a seguir.

Avatar
Peter Van Camp Executive Chairman