Modernize sua rede virtualmente em minutos

Trilhe o caminho mais rápido para o digital com o Network Edge

Bill Long

As empresas que buscam a transformação digital estão levando a TI cada vez mais para a edge, mais perto de usuários, aplicações, dados e um número crescente de dispositivos de Internet das coisas (IoT). Essa mudança é essencial para permitir as interações em tempo real e a troca de tráfego que alimentam os negócios digitais, mas as infraestruturas tradicionais de TI tornam essa transição uma estrada muito difícil.

As empresas globais estão sob enorme pressão para escalar a capacidade de sua rede a fim de suportar novos serviços/aplicações, aprimorar a experiência do cliente e reduzir os gastos com CAPEX. Mas muitas estão lutando para responder às necessidades de hoje ou se preparar para o futuro com as infraestruturas de TI e rede de ontem. Como resultado, elas simplesmente não conseguem acelerar os serviços de rede com rapidez suficiente para suportar aplicações mais dinâmicas e serviços de cloud/SaaS. Para obter sucesso nesse cenário, elas precisam ter a capacidade de se interconectar de maneira rápida e privada a várias clouds públicas para dimensionar rapidamente recursos e aplicativos de TI, minimizando as ameaças de segurança.

Infraestruturas de rede virtualizadas aceleram essa mudança, permitindo que funções antes executadas em um hardware de rede dedicado sejam executadas por um software em hardware compartilhado. Isso é realizado por meio de Virtualização De Funções De Rede (NFV) e da tecnologia de Rede Definida Por Software (SDN), que são menos custosas (CAPEX e OPEX mais baixos) e mais flexíveis do que as arquiteturas de rede tradicionais. NFV e SDN também ajudam as empresas a se manterem preparadas para o futuro, criando uma base para plataformas digitais modernas, como 5G, IoT, edge computing e desenvolvimento de aplicações nativas em cloud, para citar apenas alguns. Ao analisar apenas o mercado de Infraestrutura De Virtualização De Funções De Rede (NFVI) no mercado de infraestrutura de rede mais ampla (CNI), a IDC espera uma taxa de crescimento anual composta de 58,1% entre 2017 e 2022, resultando em US$ 5,6 bilhões. Esperamos que um CAGR para empresas que adotam infraestruturas de NFV estejam no mesmo patamar.

Hoje, lançamos a nova geração de serviços “Network Edge”, que será um divisor de águas para negócios globais, equipando-os para modernizar rapidamente suas redes virtualmente na plataforma Equinix®. Com o Network Edge, as organizações podem selecionar, configurar e conectar serviços de rede virtual de fornecedores líderes do setor, como Cisco, Juniper e Palo Alto Networks, em poucos minutos – sem espaço, energia, hardware ou equipamentos adicionais. Isso significa que agora elas podem implementar e interconectar instantaneamente serviços de rede virtual, como roteadores, firewalls, terminadores de rede privada e balanceadores de carga WAN, mais rapidamente e com menos complexidade e custo.

Prepare sua rede digital com mais simplicidade, velocidade e controle

Para tornar o caminho ainda mais fácil, o Network Edge inclui integração com o serviço de interconexão global, sob demanda e habilitado para SDN da Equinix, o Equinix Cloud Exchange Fabric™ (ECX Fabric™). A combinação de Network Edge e ECX Fabric cria uma infraestrutura de virtualização de rede segura e de alto desempenho que automatiza a implementação de dispositivos de rede virtual, simplificando a conexão com milhares de operadoras, provedores de cloud e parceiros de negócios em todo o mundo. Ele também inclui integração com a Internet para gerenciamento out-of-band dedicado de dispositivos de rede virtual. E, se for necessária largura de banda adicional para suportar sua infraestrutura de virtualização de rede, o Equinix Connect está integrado com as soluções dos principais provedores de serviços de Internet para fornecer banda sob demanda, aproveitando as trocas regionais na Internet para diminuir a latência.

Por meio do Portal do Cliente do ECX Fabric, os clientes do Network Edge podem aproveitar a interconexão dinâmica e privada com os principais provedores de cloud, como AWS, Microsoft Azure, Google Cloud Platform e Oracle® Cloud Infrastructure. Ao fazer essas conexões virtuais, nossos clientes seguem o mesmo processo de “escolher e clicar, zero provisionamento” que usam para o ECX Fabric Portal ou APIs para ativar novas conexões em minutos.

O Network Edge também é compatível com as infraestruturas físicas que as empresas já possuem na Plataforma Equinix, permitindo que elas implementem instantaneamente conexões virtuais diretas e seguras entre data centers e serviços remotos. Isso amplia seu alcance geográfico e as aproxima ainda mais de seus usuários, ao mesmo tempo em que elimina a necessidade de gastos adicionais de CAPEX com equipamentos e infraestrutura de data center.

Ao remover as preocupações geradas por parceiros que estão presos a apenas um fornecedor, o Network Edge permite que as empresas escolham as melhores soluções de NFV de um portfólio diversificado de fornecedores. Isso inclui o roteador de serviços em cloud Cisco® 1000v, o Cisco Secure SD-WAN, o Juniper vSRX Firewall e o Palo Alto Networks VM-Series Firewall, com dispositivos de edge adicionais que serão adicionados em breve à Plataforma Equinix.

Otimização de rede para os novos casos de uso digital

Um dos desafios mais urgentes enfrentados pelas empresas atuais é a necessidade de otimizar a rede para lidar com os casos de uso digitais críticos para os negócios que simplesmente não existiam há uma década. Tecnologias emergentes, como IoT, inteligência artificial/machine learning e comunicações unificadas, exigem tempos de transação curtos habilitados por conexões rápidas e de baixa latência.

O Network Edge permite aos negócios provisionar conexões virtuais próximas a seus usuários, aplicações, dados e clouds, proporcionando a eles o desempenho progressivo, a flexibilidade e a escalabilidade que as redes tradicionais, centradas em hardware, simplesmente não podem oferecer. Isso é especialmente crítico para casos de uso de alta prioridade, incluindo:

  • Roteamento entre clouds para aplicações que abrangem várias clouds. Por exemplo, uma agência de viagens online hospeda seu website voltado para o público em uma cloud e seu banco de dados de clientes em outra. Para otimizar o desempenho das aplicações, a agência precisa rotear rapidamente entre o banco de dados de clientes e seu website. A empresa de viagens agora pode simplesmente adotar um roteador virtual usando o Network Edge e criar conexões com seus provedores de cloud por meio do ECX Fabric para rotear entre as duas clouds em questão de minutos.
  • Migração eficiente entre clouds ao mover grandes quantidades de dados entre clouds para backups, migrações ou análises. Por exemplo, uma empresa de serviços financeiros precisa realizar regularmente backups em tempo real dos dados de clientes transacionais entre clouds. Ao adotar um roteador virtual com o Network Edge, a organização agora pode criar uma conexão virtual privada entre duas clouds via ECX Fabric para backup e recuperação de dados mais rápidos e mais seguros.

  • Conectividade em cloud com bom custo-benefício em novos mercados. Por exemplo, um fabricante tem um colocation físico em Estocolmo, mas quer rotear entre duas clouds em Amsterdã sem comprar novos equipamentos de TI. Usando o Network Edge, o fabricante agora pode criar um roteador virtual em minutos, conectá-lo às clouds em Amsterdã via ECX Fabric e fornecer uma conexão privada de volta à sua infraestrutura física em Estocolmo – tudo sem investimento adicional em CAPEX.

  • Criação rápida de firewall de cloud híbrida para proteger recursos na rede corporativa de endpoints públicos. Por exemplo, uma empresa de comércio eletrônico hospeda suas aplicações voltadas para o público na cloud, com o tráfego de clientes vindo da Internet pública para esses aplicativos. Com o Network Edge, a empresa agora pode colocar rapidamente um firewall virtual entre suas aplicações corporativas e a cloud pública que está conectada por meio do ECX Fabric, sem custos de hardware ou CAPEX iniciais.

  • SD-WAN da filial para a cloud, a fim de interconectar-se virtualmente com os ecossistemas digitais na Plataforma Equinix, dentro ou entre regiões metropolitanas. Por exemplo, um provedor de assistência médica deseja integrar serviços de cloud em suas filiais distribuídas e, ao mesmo tempo, otimizar o tráfego das filiais diretamente via SD-WAN. Agora, a empresa pode usar o Network Edge para construir rapidamente hubs de interconexão em locais da Equinix próximos a suas filiais e otimizar a conectividade entre filiais, provedores de cloud e provedores de SaaS por meio do ECX Fabric.

Virtualize sua rede em 4 passos fáceis

Seguindo essas quatro etapas online por meio do portal do cliente ECX Fabric, conforme demonstrado no webinar sobre o Network Edge, você pode: escolher o local, escolher o dispositivo na edge, implementar o dispositivo na edge e conectar-se ao ECX Fabric em minutos.

A Equinix está lançando o Network Edge na próxima semana, durante o Cisco Live/WWT (9 a 13 de junho) em San Diego, na Califórnia. Os serviços Network Edge da Cisco, Juniper e Palo Alto Networks estão imediatamente disponíveis na Plataforma Equinix em locais de alta demanda, incluindo o Vale do Silício, Ashburn, Amsterdã e Londres. A expansão global está prevista ao longo do ano de 2019. Acesse o Network Edge data sheet para novos locais e serviços à medida em que eles se tornarem disponíveis.

Teste o Network Edge hoje.

Você também pode estar interessado em ler os seguintes blogs sobre serviços de rede virtual:

Porque a virtualização das funções de rede deve fazer parte da sua estratégia de infraestrutura

A evolução das redes de hardware para software usando virtualização

 

Print Friendly